Sem surpresas

Sem surpresas, as férias aproximam-se e os dias de trabalho tornam-se mais longos. Movimento típico dos ponteiros dos relógios – o digital rouba todo o romantismo à imagem. Um ligeiro recuo, como que para ganhar fôlego, para avançar a toda a corda – ignore-se novamente o sensaborão digital – assim que tiverem início os tão aguardados dias de descanso. Nessa altura, novamente sem surpresas, as horas consumir-se-ão num ápice.
Para acalmar esta urgência de férias, No surprises, original dos Radiohead em versão de Regina Spektor.

Anúncios
Com as etiquetas , ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: