O papagaio que dizia poemas de Petar Stamboliski

“Disse o meu avô este ditado:/ Em Novembro/ toda a madeira pega./ E eu enterrei/ (ligeiramente, muito ligeiramente)/ os pés da mesa do jardim/ (de madeira velha, muito velha)/ à espera que,/ na Primavera,/ a mesa viesse a ter/ uma toalha de flores.”

Afonso Cruz, Enciclopédia da Estória Universal

Anúncios
Com as etiquetas ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: