Arlt e pára o baile!

Resgato um livro há algum tempo esquecido nas prateleiras. Numa daquelas típicas promessas de contracapa, diz-se que o livro é uma “viagem ao fim da noite” em tons sul-americanos, mas vinte e cinco páginas não chegam para  estabelecer um paralelismo com essa grande obra de Céline. Chegam, isso sim, para descortinar um quê de Dostoiévski. Prometer, promete. Resta que se cumpra.

Anúncios
Com as etiquetas ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: