– Viajar, sim, eis uma hipótese que não devias pôr de parte – disse. – Põe-te boa do joelho e vamos os dois. Estou a falar muito a sério.
– Para bem longe daqui.
– Para bem longe daqui.
– Ruínas – sugeriu ela.
– Ruínas.
– Nós temos as nossas próprias ruínas. Mas acho que não as quero visitar.

Don DeLillo, O homem em queda

Ruínas humanas

Anúncios
Com as etiquetas ,

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Anúncios
%d bloggers like this: