Category Archives: Fotografia

Uma espera sem propósito 

Com as etiquetas ,

Ficheiros pouco secretos

Com as etiquetas ,

Venezuela

Sou português, nascido no Porto, crescido na Aguda e a envelhecer em Matosinhos. Sou quase tudo daqui, deste rectângulo com varanda para o Atlântico, mas moram em mim mais dois países, um que nunca pisei, nas quentes terras africanas, e outro por onde gatinhei, num canto latino voltado para as Caraíbas. Do primeiro, Angola, enchi-me de memórias e paixões familiares. Histórias maravilhosas de um território tão próspero que parecia nascido do verbo dar. Do segundo, a Venezuela, trouxe na bagagem palavras que acabei por transformar e que só mais tarde percebi de onde vinham. Também daí me enchi de boas histórias familiares. Algumas que, por muito que me incluam, não consigo ter como minhas, tão cedo de lá regressei. Em todas, no entanto, mesmo nas melhores, nas mais felizes, arrastam-se palavras que não foram ditas ou escritas. Cuidado. Cautela. Atenção. Essas palavras que, no fundo, me fizeram voar para fora da asa materna. Cuidado. Cautela. Atenção. Vim ter com a abuelita e o abuelito que, deste lado, passaram a ser só balita e balito. Aportuguesei as palavras e fiz do meu fado seguinte olhar para o céu. De fralda, sentado no degrau cimeiro da casa dos meus avós, à procura do avião que traria os meus pais. Cuidado. Cautela. Atenção. Nessa altura, a Venezuela não era só um conto de misses. Nem hoje.
A atravessar uma crise política que já está marcada a sangue, o país mostra que não está maduro. O que lá se vive – e que me toca de forma algo especial – deve ser visto nas fotografias reunidas no sempre brilhante The Big Picture, do The Boston Globe. Não há melhor forma de contar as coisas. Cuidado. Cautela. Atenção. A Venezuela tem que largar estas palavras.

Com as etiquetas , ,

Uma teia especial

Uma teia especial

Com as etiquetas ,

Alentejo

Com as etiquetas , ,

Heterónimos

Com as etiquetas

Escura era a noite

Escura era a noite

Com as etiquetas ,

Little waves our bodies break

Com as etiquetas ,

Saudade Aguda

Com as etiquetas ,

Instameet

O @igersporto convida-nos para um dia diferente, a 25 de Fevereiro, em Santo Tirso. A ideia é explorar o Museu Internacional de Escultura Contemporânea (MIEC) e a sua coleção ao ar livre – “(…) um labirinto de formas, cores, volumes imponentes ou passagens discretas, figuras desconcertantes ou frestas luminosas fazendo com que as necessidades da nossa imaginação ultrapassem o alcance dos nossos braços.” 

Conhecendo aquela equipa e tendo participado em actividades por eles desenvolvidas/programadas, só posso aconselhar. A inscrição é gratuita e ainda contempla o almoço. Não é coisa que careça de ponderação, sequer!

Regulamento disponível em https://tinyurl.com/st-regulamento

Mais detalhes no perfil do @igersporto.

Com as etiquetas , ,

Com as etiquetas

Porto

Com as etiquetas

Manhã emersa

Com as etiquetas

🐴🌳🐴

image

Com as etiquetas ,

⚽️

Com as etiquetas

🏐

Com as etiquetas

Debaixo de algum céu

Com as etiquetas ,

Alentejo

Com as etiquetas

(l)ergonomia

#1 – Raquel

Com as etiquetas

Arquitectura do voo

Com as etiquetas
%d bloggers like this: